Dúvidas | Raiar Orgânicos
ícone de carregamento

Às claras

Respostas pra clarear
a sua cabeça.

Você conhece as diferenças
entre os tipos de ovos?

Olha só como ovo não é tudo igual:

ORGÂNICO Caipira Cage free CONVENCIONAL
Onde elas são criadas? Com livre acesso ao pasto. Soltas em um galpão e com acesso ao pasto. Dentro de um galpão. Em gaiolas.
O que elas comem? Só vegetais orgânicos. De tudo um pouco, mas com restrições de alimentos de origem animal. De tudo um pouco, inclusive farinha de sangue e ossos. De tudo um pouco, inclusive farinha de sangue e ossos.
Tomam antibióticos ou estimulantes? Não. Só homeopatia Antibióticos quando ficam doentes. Dentro de um galpão. Sim.
Tem certificação? Certified Humane Orgânico Brasil IBD Certified Humane Certified Humane Não.

A gente vibra de alegria em poder ajudar você a entender mais desse universo.

Significa que ele é produzido dentro de todo um sistema orgânico, que respeita o meio ambiente, protege os recursos naturais, as práticas sustentáveis, a saúde dos trabalhadores, as características socioculturais das comunidades locais e não usa organismos geneticamente modificados, nem químicos sintéticos. Ah, também existem as certificações necessárias para um alimento ser considerado orgânico. Elas aparecem como um selo afixado ou impresso no rótulo ou na embalagem do produto.
Por respeitar o meio ambiente, proteger os recursos naturais e não usar produtos químicos, a produção orgânica não polui os solos e as águas com esses resquícios. E claro, sempre respeita o tempo e a natureza de cada animal.
Não.

Alguns termos se misturam nesse meio. Um produto orgânico é aquele que foi produzido com total respeito ao meio ambiente, às práticas sustentáveis, à saúde dos trabalhadores e às características socioculturais das comunidades locais, além de receber o selo certificando toda a produção. Então, um alimento integral pode ser orgânico, mas isso não quer dizer que todo orgânico é integral.

Não.

Existem carnes, ovos e peixes orgânicos. O selo orgânico não se limita apenas a frutas, grão e vegetais. 

Depende da produção.

Porque quando a galinha tem uma saúde de ferro, é bem criada, se alimenta com produtos de qualidade e vive de forma natural, isso impacta na qualidade dos seus ovos. Assim, as gemas tendem a ficar alaranjadas por conta do pigmento natural dos alimentos que essa galinha ingere.

Mas cuidado que algumas vezes alguns produtores podem adicionar corantes artificiais para pigmentar a cor das gemas, então é importante ficar de olho. 

Nossas galinhas vivem na Fazenda Raiar, em Avaré/SP, onde possuem bastante área livre para ciscar pelo pasto! Além disso, quando querem se sentir mais protegidas, elas possuem acesso aos galpões, onde encontram água, alimentação e ninhos quentinhos e escurinhos, do jeito que elas gostam!
Assim como você e eu, elas gostam de comida de verdade! Nossas galinhas se alimentam de grãos orgânicos que são a base de sua alimentação. Todos os itens que compõem a alimentação passam pelo crivo rigoroso dos nossos nutricionistas e veterinários, bem como também das certificadoras orgânicas, que aprovam cada item antes de fornecermos às aves. 
Nossas galinhas não tomam nenhum tipo de antibiótico ou hormônio para crescimento! São tratadas apenas com homeopatia, de forma preventiva. 
A medicação homeopática é ultra diluída e as chances de intoxicação e efeitos colaterais são reduzidas, além de não deixar resíduos nos produtos de origem animal. É importante ressaltar que no tratamento, além da medicação, é levado em consideração a alimentação e bem-estar das galinhas.
Não temos a debicagem como prática. Adquirimos as pintainhas direto dos incubatórios com os bicos aparados a laser, e isso é feito de forma preventiva para que as aves não se machuquem. O bem-estar animal para nós é uma prioridade! 
Um dos nossos maiores compromissos é que as nossas galinhas tenham uma vida feliz e saudável enquanto estiverem com a gente.

Para nós, o respeito à vida e ao bem-estar das galinhas é essencial e por isso estamos nos inspirando mundo afora, buscando as melhores práticas para a destinação digna e adequada delas. Após sua vida produtiva, não é viável mantê-las no aviário por questões sanitárias e econômicas e, por isso, geralmente são destinadas para a indústria. Na Fazenda Raiar, nossas aves ainda são muito jovens e, por isso, ainda não chegamos nesse momento.

Caso você tenha algum projeto nesse sentido, entre em contato com a gente: falecom@raiarorganicos.com.br.

Acreditamos que essas trocas são essenciais para o nosso crescimento!


A Raiar adquire apenas pintainhas fêmeas diretamente dos incubatórios e entende que o descarte de pintinhos é um problema no setor.

Nós temos orgulho de reforçar nossa responsabilidade com o bem-estar animal, assumindo o compromisso de banir o descarte de pintinhos machos na nossa cadeia de fornecimento assim que houver uma tecnologia comercialmente disponível, aplicável e economicamente sustentável no país. Estamos apoiando iniciativas do governo brasileiro que visem eliminar o sacrifício de pintinhos machos e nos comprometemos a incentivar o desenvolvimento e viabilização de tecnologias que busquem acabar com essa prática no país.


Na produção orgânica, as galinhas são criadas livres, sem uso de hormônios e com alimentação orgânica, produzida sem nenhum agrotóxico ou transgênico. Na avicultura orgânica as regras são claras e rigorosas, regidas e auditadas por certificadoras que nos visitam frequentemente. O respeito à natureza, ao bem-estar animal e aos instintos naturais de cada ave vem acima de tudo na Fazenda Raiar.
Possuímos 3 certificações: o SISP (Serviço de Inspeção de Produtos de Origem Animal), que regula e autoriza a produção e distribuição de ovos no Estado de São Paulo; o IBD “Orgânico Brasil”, que é o selo que audita o cumprimento dos critérios rigorosos de produção orgânica no Brasil; e o Certified Humane, que é o selo que valida os padrões de bem-estar animal na nossa granja. 
Na Fazenda Raiar temos a nossa própria sala de ovos, e assim que nossos cascudos chegam lá, passam por um processo de controle de qualidade. Os ovos são lavados e inspecionados em duas etapas: através de luz ultravioleta e com sensores que identificam possíveis microfissuras na casca. Os ovos “reprovados” são separados dos demais. Já os que passaram pelas etapas, são classificados, embalados e ficam prontinhos para serem entregues na sua casa.
Sabemos que uma alimentação orgânica ainda não é acessível a todos, e é por isso que a Raiar nasceu. Acreditamos que é possível democratizar o acesso a produtos orgânicos e que só há um caminho para que isso aconteça: transformando a cadeia de ponta a ponta, do produtor até a mesa da sua casa! A Raiar atua desde o fomento da produção de grãos orgânicos (que alimentam nossas galinhas) até a conscientização, levando informação e conhecimento sobre os benefícios da alimentação orgânica. De grão em grão, pensando em escala e tendo tecnologia como nossa aliada, nosso sonho é fazer com que todos tenham acesso a comida de verdade. Somos indutores para que este crescimento aconteça, para que o orgânico seja possível para todos.
A Raiar apoia os pequenos produtores e, para que o orgânico seja possível para todos, está atuando para que todo o setor cresça junto.

Além disso, a Raiar atua em parceria com pequenos e médios produtores agrícolas familiares, comprando grãos orgânicos deles, e no processo de conversão do modelo tradicional para o orgânico, oferecendo financiamento ao produtor, assistência técnica e garantia de compra independente da qualidade da colheita.

Além disso, construímos uma fábrica de ração com capacidade para fornecer ração para demais produtores de proteínas orgânicas na região.

Nossos principais concorrentes não são os pequenos produtores de ovos, mas sim a produção no modelo tradicional: o ovo de gaiola.


Futuramente, nossa expectativa é que a Fazenda Raiar seja aberta para visitação pública, inclusive com eventos e palestras. No momento, ainda estamos em obras e a visitação está restrita. Fique atento às redes sociais que informaremos as novidades.
Ah, pintou alguma dúvida que não tá aqui?
Fale com a gente
Telefone/Whatsapp
(11) 99659-8563